quarta-feira, outubro 04, 2006

O meu egoísmo...






(Para já fica a foto. Logo mais à noite coloco o texto.

Porquê ? Apenas porque me apetece que assim seja.

Até logo à noite.)

Então cá estou para colocar o texto...

As pessoas são umas insatisfeitas. Quando estão bem, lamentam a vida que levam. Que tudo lhes corre mal e que não têm sorte na vida.

É certo que eu também gostava que me saísse o Euromilhões. Dava-me uma grande ajuda no campo económico/ financeiro...

Acreditem no entanto que dou uma grande importância à verdadeira amizade. Aquela do despir a camisola para dar a um amigo, agora compactuar com estupidez... isso é que não.

Quanto à verdadeira amizade, infelizmente fui traído por alguns que realmente achei por bastantes anos que o seriam.

Passado.

O seio familiar requer uma paz e harmonia para que possamos viver e não apenas sobreviver, para que os filhos possam crescer e ser educados num ambiente sereno e tranquilo, sem stress e ansiedades...

Felizmente a minha falecida mãe deixou aquele a quem a sociedade resolveu um dia chamar de pai biológico. O progenitor, não educador...

Desculpem-me este desabafo, mas irrita-me ver que há quem, quando está em grande, despreza aqueles que realmente são amigos e estão sempre disponíveis, para, quando a vida lhes prega rasteiras, esses, os desprezados noutros tempos, se tonarem solução de procura.

São os únicos disponíveis, pois os amigos da época alta diluíram-se.

Para mim chega. Fartei-me de sentir as dores alheias, estar sempre disponível.

Rancor ?? - Não. Fim de estupidez.

Sei de um caso em que o tempo actual está a ser de difícil passagem. Os grandes amigos desapareceram. Quem lá está ?? Aquele que foi afastado em época alta...

Para mim, a preocupação com os problemas que os tais criam ou adequirem... deixou de existir.

Agora, sou apenas mais um na multidão...

Permitam-me este egoísmo.

Boa Noite

6 comentários:

Flôr disse...

Olá :)

vim conhecer o teu "espaço" aqui, na blogosfera!... gostei bastante! Irei voltar!

inté - Sorriso florido

veritas disse...

Olá Jorge!

Fazes bem...às vezes na vida também temos de fazer a vontade aos nossos apetites... :) Bom feriado.

Bjs.

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Jorge:

oopppsss!!!... isso é alguma manif :-)

Um abraço,

a Prinçusa disse...

eu sou uma insatisfeita. mas tmb considero a amizade/amor uma coisa fundamental na vida de uma pessoa. a uncia, talvez. e dou mt valor qnd ela é verdadeira.


*

A.J.Faria disse...

Olá, Jorge!
Embora possa ser difícil, há que ser tolerante e compreensivo em muitas situações.
Só deste modo estaremos a ajudar o outro e a nós próprios.
Um grande abraço

Cristina disse...

Olá Jorge,
Para isso servem os blogues, para desabafos :)...
Amigos? Hoje em dia por vezes são difíceis de os encontrar, é como tu dizes, existe muito egoísmo.

Um beijinhu e um bom feriado
:)