quarta-feira, agosto 09, 2006

Lá fui...



... então piquenicar com a familia. Destino: Pia de urso, aldeia situada no Concelho da batalha.

Depois de ver uma reportagem na televisão, resolvi na WEB "pia de Urso". Das poucas coisas que encontrei, resolvi ir desfrutar de algumas horas longe do caos da cidade e da anárquica rebeldia de quem a consome.

84 quilómetros separavam esta família do ponto de partida - Figueira da Foz - ao ponto de chegada - Pia de Urso.

84 quilómetros, um rapazito de seis anos que entre uma soneca e outra lá ia perguntando se faltava muito, uma menina de dois anitos que enjoa com as curvas e uma tal de "Floribela" que não se calou, todo o caminho, de cantar com o apoio incondicional do elemento mais novo da família.

Após algumas paragens para recuperar do enjoo e outras para o belo do xixi, lá chegámos. A fomeca sugestiva que o pic-nic fomenta, começava a apertar. Montámos o "estabelecimento" e, num lugar onde só se ouviam os passaritos cantar, passámos momentos de lazer confortáveis, com o tradicional rissol, frango e tudo mais o que este tipo de convívio familiar alberga.

Quanto à soneca, essa não existiu. Não faz parte da ementa.

No final da tarde regressamos a casa ansiosos por uma bela banhoca.

O lugar de Pia de urso é uma aldeia que está a ser recuperada para turismo rural. Está em fase de edificação urbana (penso que será este o termo), mas já apresenta espaços de lazer florestal, equipado com pontos de interesse para os mais novos e não só.

Como não existem muitas imagens do local, deixo-vos aqui algumas.

Quando o lugar estiver pronto, penso que será óptimo para recuperar energias numas pequenas férias.

Boa Noite

4 comentários:

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

Que lindo passeio nao é? a tua metade é angolana, certo? entao ela sabe o quanto somos pessoas HOSPITALARES:) fico a espera de voces 4. beijokas!

veritas disse...

Olá Jorge!

É assim mesmo que se deve levar a vida, pelo menos segundo o meu ponto de vista, vê-se que prezas o convívio e união da família e assim fazes os teus filhos felizes e constróis com eles boas memórias, para mais tarde recordar. Ainda hoje lembro com saudade todos os momentos dourados da minha infância, é o que perdura...é o que tento fazer com os meus filhotes, o meu mais velho também tem 6 anos...sei bem como é a idade dos porquês...

Bjs.

rouxinol de Bernardim disse...

Bom astral! é assim que se faz! Pia de Urso? Não conheço mas imagino como deve ser giro...

José Alberto Mostardinha disse...

Viva Jorge:

Belos momentos esses.
E, pelas imagens, seguramente um dos meus próximos programas.
Será bom que haja juízo nas cabecinhas para não só gozarem os prazeres que a vida nos dá quando o "vento está a favor", como também para saber enfrentar aqueles momentos menos afortunados.

Um abraço,